Atualizações da AbbVie
sobre COVID-19

Nossa resposta à pandemia

À medida em que a COVID-19 continua a ter um impacto maior em nossas comunidades, queremos que você saiba que estamos aqui para ajudar. A AbbVie está focada na saúde e segurança de seus colaboradores, profissionais de saúde e pacientes.

Globalmente, a AbbVie está apoiando estudos clínicos e pesquisas básicas relacionadas à COVID-19 e vem  trabalhando em estreita colaboração com as autoridades de saúde para coordenar essas ações.

Conheça os esforços da AbbVie para responder ao impacto da pandemia:

Na AbbVie, apoiar nossos colaboradores, nossos pacientes e retribuir a populações vulneráveis e carentes é parte importante de quem somos. Enquanto populações em todo o mundo lutam para lidar com essa pandemia global, a AbbVie está doando US$ 35 milhões para apoiar populações e sistemas de saúde vulneráveis. Esta doação é direcionada para as seguintes instituições:

International Medical Corps (IMC): para ajudar a gerar capacidade de tratamento de pacientes em hospitais  com sobrecarga de atendimento. A IMC é a primeira a responder em situações de desastre, e esse financiamento apoiará a criação e operação de hospitais móveis de campanha nos Estados Unidos (EUA). Esses hospitais fornecerão capacidade e criarão melhores opções de fluxo de pacientes, à medida que os hospitais trabalham para manter os pacientes com COVID-19 separados de outros pacientes.

Direct Relief: para ajudar a atender às necessidades do sistema de saúde nos países mais atingidos. Esse apoio permitirá a aquisição e fornecimento de tubos/balões de oxigênio, ventiladores e equipamentos de proteção individual, para tratamento de pacientes mais graves. Estamos priorizando países com altas taxas de infecção no momento, começando na Itália, Reino Unido, França e Espanha.

Feeding America: para proteção dos mais vulneráveis, incluindo os idosos, permitindo acesso a alimentos e materiais essenciais de uso doméstico com o mínimo de contato.

Além disso, está incluída nos US$ 35 milhões uma reserva de US$ 5 milhões para o Fundo de Resiliência Comunitária da AbbVie para a COVID-19. O fundo fornecerá até US$ 1 milhão por instituição a projetos que fortalecem a resiliência da população em áreas com poucos recursos e impactadas pela COVID-19.Qualquer ONG (Organização Não Governamental), formalmente constituída, em qualquer país do mundo, pode solicitar apoio ao Fundo de Resiliência Comunitária da AbbVie. 

Clique aqui para se inscrever. Todo o processo é avaliado por um Comitê nos Estados Unidos. Por isso, a submissão precisa ser feita em inglês. 

Acesse aqui o passo a passo para apoiar as organizações sociais na submissão de seu projeto. 

Organizações sociais sem fins lucrativos podem submeter projetos para receber apoio financeiro do Fundo de Resiliência Comunitária da AbbVie para a COVID-19. O Fundo, cujo total chega a 5 milhões de dólares, fornecerá até US$ 1 milhão por instituição a projetos que fortaleçam a resiliência da população em áreas com poucos recursos e impactadas pela COVID-19.

Qualquer ONG (Organização Não Governamental), formalmente constituída, em qualquer país do mundo, pode solicitar apoio ao Fundo de Resiliência Comunitária da AbbVie. 

Clique aqui para se inscrever. Todo o processo é avaliado por um Comitê nos Estados Unidos. Por isso, a submissão precisa ser feita em inglês. 

Acesse aqui o passo a passo para apoiar as organizações sociais na submissão de seu projeto. 

Com o objetivo de incentivar o engajamento de seus colaboradores em iniciativas que contribuam para reduzir o impacto social causado pela pandemia do coronavírus, a AbbVie também vai dobrar as doações feitas pelos seus colaboradores a organizações sem fins lucrativos qualificadas. Ao invés da contrapartida padrão de 1:1, a Fundação AbbVie irá direcionar US$ 2 para cada US$ 1 doado por seus colaboradores nos países em que a AbbVie atua, incluindo o Brasil.

Estamos monitorando de perto nossa cadeia de suprimentos e manufatura, em todo o mundo, para garantir que nossos pacientes continuem recebendo os medicamentos dos quais necessitam. Até aqui não prevemos impacto no fornecimento de nossos produtos nos países em que atuamos.

Entendemos sua necessidade de saber mais sobre o coronavírus. Se você estiver em tratamento com um medicamento AbbVie, fale com seu médico sobre qualquer dúvida que possa ter. O seu médico pode fornecer aconselhamento para atender às suas necessidades individuais.

Se você é um profissional de saúde com perguntas sobre medicamentos AbbVie e a COVID-19, saiba que a equipe de gerentes médicos científicos está à sua disposição tirar dúvidas. Caso queira receber informações adicionais ou para um evento adverso, visite o site de informações médicas da AbbVie, www.abbviemedinfo.com

A AbbVie suspendeu, desde 16 de março, todas as atividades presenciais, incluindo a visitação médica e deslocamento de seus colaboradores.

A AbbVie mantém o Fundo de Assistência ao Colaborador AbbVie para apoiar o colaborador em momentos críticos, nos quais seja necessário prestar suporte financeiro ou de outra natureza.

Lopinavir/ritonavir, antirretroviral também produzido pela AbbVie e indicado no tratamento do HIV, vem sendo estudado como uma opção para tratar a COVID-19. São necessários estudos clínicos para determinar se lopinavir/ritonavir isoladamente, ou em combinação com outros medicamentos, podem ser usados ​​com segurança no tratamento de pacientes com COVID-19.

A AbbVie está trabalhando em estreita colaboração com especialistas em saúde pública, incluindo a Organização Mundial de Saúde (OMS), os Institutos Nacionais de Saúde dos EUA, o Centro Chinês de Controle de Doenças, a fim de determinar a eficácia e segurança do lopinavir/ ritonavir no tratamento da COVID-19.

Estamos em parceria com as autoridades sanitárias chinesas para apoiar mais de 15 ensaios clínicos randomizados e quatro estudos de coorte em andamento para lopinavir/ritonavir e combinações.